Imagens do suspeito foram divulgadas pela polícia — Foto: SSP/Divulgação/Arquivo

A Polícia Civil de Sergipe informou, nesta terça-feira (5), que já identificou o suspeito de importunar sexualmente uma jovem que estava na fila de uma casa lotérica, no dia 22 de dezembro, na Zona Sul de Aracaju.

Segundo a polícia, ele tem 65 anos e seu advogado procurou a delegada Marília Miranda no Departamento de Atendimento aos Grupos Vulneráveis (DAGV), nesta segunda-feira (4), onde ficou acertado que ele apresentaria o idoso nesta terça-feira.

No entanto, horas depois o advogado apresentou um relatório médico atestando que o homem não tinha condições de saúde para ser submetido a um interrogatório pelos próximos 30 dias.

A investigação está em andamento, e de acordo com a Polícia Civil o caso está praticamente concluído, na ausência de novos fatos o idoso deverá ser indiciado pelo crime de importunação sexual.

A polícia destacou a colaboração da população sobre o caso através do Disque-Denúncia, pelo número 181.

Entenda o caso

No dia 22 de dezembro, uma jovem estava na fila de uma lotérica na Zona Sul da capital quando foi alertada por pessoas que estavam no local, de que um homem estaria tentando fotografar as suas partes íntimas.

“Eu nem percebi. Se o rapaz de preto não tivesse proferido xingamento, já tivesse olhado para trás, eu não ia saber o que aconteceu e esse criminoso iria ficar impune, ninguém saberia quem era ele, a imagem dele não teria circulado tanto e ele faria isso com outras meninas”, disse a vítima.

1 COMMENT

Deixe uma resposta