Operação Hórus: suspeito morre após confronto policial em Itabaiana

Photo of author

Por Isto é Aracaju

Durante a Operação Hórus deflagrada na manhã desta quinta-feira (7), o investigado identificado como Rafael da Costa Santos, de prenome Scooby, morreu após reagir a abordagem policial no município de Itabaiana. O confronto contra os agentes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) ocorreu durante cumprimento do mandado de prisão em seu desfavor.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o suspeito era investigado por narcotráfico e uso de arma de fogo. “Apesar de ser bem visto socialmente, ele é suspeito de ameaçar de morte outros criminosos”, pontua.

A vítima foi encaminhada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e veio à óbito. Em sua residência, a equipe apreendeu uma arma de fogo, dinheiro em espécie, jóias e tabletes de substâncias entorpecentes análogas à maconha e cocaína.

Operação

A operação policial batizada como “Olho de Hórus” pelas equipes das polícias Civil e Militar acontece em dez municípios, entre eles Aracaju e cidades do agreste sergipano. A ação busca desarticular três grupos criminosos, em que dois são voltados à prática do crime de tráfico de drogas e outro atuava no roubo de chácaras no interior do estado.

De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), os agentes prenderam oito investigados e três suspeitos reagiram à abordagem policial, iniciando-se um confronto. “Alguns dos suspeitos já tinham sido presos e são traficantes conhecidos na região”, detalha o diretor do Departamento de Narcóticos (Denarc), delegado André David.

Uma grande quantidade de entorpecentes, dinheiro, jóias, armas de fogo e veículos também foram apreendidos durante as diligências.

As investigações conduzidas pelo Denarc verificaram a atuação de dois grupos que estariam praticando o tráfico de drogas em alta quantidade e demonstravam poder bélico com fotos de arma longa, comercializando, inclusive, armas e munições.

Ainda segundo a SSP, outras informações apontaram que um dos grupos estava ameaçando integrantes de uma terceira organização criminosa ligada ao roubo de chácaras e, em um dos crimes, suspeitos desse grupo dispararam na mão de uma das vítimas. Alguns membros também praticavam o crime de estupro.

Olho de Hórus

O Olho de Hórus é um símbolo egípcio que representa força, poder, coragem, proteção, clarividência e saúde. Ele reproduz o olhar aberto e justiceiro de um dos deuses egípcios da mitologia: o deus Hórus. O símbolo favorece a evolução do terceiro olho, dons estes relacionados à clarividência e, da mesma maneira, simbolizando o “Olho que tudo vê”, ou seja, aquele que enxerga muito além das aparências.

A denominação da operação se deu devido a atuação intensiva do Denarc no combate às organizações criminosas em todo o estado de Sergipe.

Fonte SSP/SE

Deixe um comentário