O crime aconteceu no dia 08 de outubro de 2020 e tomou repercussão após um homem divulgar, em grupos de conversas, o vídeo que flagra o momento exato que André Francisco de Oliveira, conhecido como Macaxeira, tenta estuprar uma garota de 12 anos de idade. Mais de quatro meses depois o suspeito ainda não encontrado.

A mãe da vítima, que prefere não ser identificada, conversou com o repórter Douglas Magalhães. Ela afirma que a filha costuma perguntar sobre o paradeiro do homem que tentou abusá-la.

“Ela veio me perguntar um dia se ele tinha morrido e eu respondi que não sabia de nada. Entreguei nas mãos de Deus e depois da Justiça”, conta.

A criança já passou por tratamento psicológico e, segundo a mãe, está bem. Ainda de acordo com ela, a polícia não lhe deu um posicionamento sobre o caso.

“São 120 dias sem resposta. Entreguei a Deus porque não tenho mais esperança que a polícia vai encontrar. Ela não passa mais por aquele local”, relata.

Informações sobre André Francisco podem ser repassadas para a Polícia de forma confidencial. 

Por Isto é Aracaju com informações A8SE

Deixe uma resposta