Medidas ocorrem em virtude da alta de casos de Covid-19. Ações de fiscalização continuarão sendo feitas pelas forças de segurança e vigilância em todo o estado.

Belivaldo Chagas durante coletiva nesta quinta-feira (11) — Foto: Reprodução

O governo de Sergipe decidiu, nesta quinta-feira (11), novas medidas de restrição para tentar conter o avanço da Covid-19 no estado. Foi anunciada a suspensão de aulas da rede particular, o adiamento para a rede pública e a alteração de funcionamento do comércio, academias e templos religiosos.

Templos religiosos e academias não poderão funcionar aos sábados e domingos, e durante a semana, devem abrir com até 30% da capacidade. O limite de ocupação também vale para salões de beleza, bares e restaurantes.

comércio no Centro de Aracaju pode funcionar das 9h às 17h. Os demais tipos de comércio, das 10h às 18h. Nos fins de semana, o comércio, bares e restaurantes continuam fechados, conforme anunciado na semana passada. Todos os eventos também continuam suspensos.

As aulas da rede particular foram suspensas até o dia 4 de abril, retornando no dia 5. Já as da rede pública, que deveriam voltar dia 22 de março, foram adiadas e também devem retornar no dia 5. As creches continuam em funcionamento e as turmas do ensino infantil continuam com aulas presenciais.

Belivaldo anunciou ainda que no próximo dia 17, quando será comemorado o aniversário de Aracaju, haverá ponto facultativo em todo o estado.

“Às vezes parece que a gente quer resolver a questão da pandemia com os bares e restaurantes, mas está comprovado que o uso da máscara inibe o vírus, e no restaurante você não bebe, nem come de máscara”, disse o governador.

As medidas foram adotadas após uma reunião com o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae) para avaliar o cenário epidemiológico estadual.

Por G1 Sergipe

2 COMMENTS

Deixe uma resposta